Guia: como escolher seu smartphone

Você deve ser exigente quando se trata de comprar um smartphone. Afinal, vocês vão fazer tudo juntos, desde a captura de centenas de fotos e jogar jogos, até navegar nas redes sociais, mensagens de texto e e-mail. Ah, sim, você poderá fazer chamadas telefônicas, também. Mas com tantas opções, de sistemas operacionais, tamanhos de tela, etc, escolher o aparelho certo pode ser muito difícil. Vamos facilitar as coisas para você, listando aqui algumas dicas para que você consiga escolher o seu próximo smartphone.

 

  1. Escolha muito bem o sistema operacional

Atualmente existem três sistemas principais: Android, iOS (iPhone) e Windows Phone. Vamos, então, a um rápido resumo dos pontos fortes e fracos das plataformas.

 

Android

 

Não é à toa que o sistema operacional do Google para smartphones é o mais popular de todos. Em comparação com iOS e Windows Phone, há uma variedade muito maior de opções de hardware de vários fabricantes (Samsung, LG, Motorola, Sony, Asus, etc.), em vários tamanhos e formatos. O Android também é muito mais aberto que o iOS, o que significa que fabricantes de smartphones podem mais facilmente inovar em cima do software do Google. É por isso que o Samsung Galaxy S7, por exemplo, pode executar dois aplicativos na tela ao mesmo tempo.

Com mais de 1 milhão de aplicativos, a loja Google Play tem praticamente tudo o que você precisa. Mas apesar de considerarmos um ponto positivo que o Android seja tão flexível e personalizável, algumas interfaces pode ser confusas e / ou difíceis de navegar.

 

iOS/iPhone

O iOS 10 é o novo sistema operacional para smartphones da Apple, lançado em 2016. iOS 10 introduz algumas melhorias no sistema, incluindo a expansão do uso do 3D touch, tela de bloqueio remodelada e suporte para widgets O aplicativo Mensagens recebeu atualizações para a comunicação de diversas maneiras. Siri pode ser integrada a aplicativos de terceiros para realizar tarefas específicas, como mandar mensagens e efetuar pagamentos.

 

Windows Phone

O Windows Phone nunca caiu no gosto dos consumidores, e o Windows 10 Mobile está chegando bem lentamente. Os recursos mais atraentes são aplicativos universais e o Continuum. Aplicativos universais permitem que desenvolvedores criem um aplicativo para Windows 10 no desktop e no celular, o que deve aumentar a seleção pobre da Microsoft na Loja do Windows. Continuum permite que você execute o Windows 10 Mobile na área de trabalho com um dock compatível usando telefones como o Lumia 950.

 

  1. Opte pelo tamanho certo: phablet ou não phablet?

É uma mistura de smartphone e tablet, e são perfeitos para quem procura desempenho, rapidez e uma tela grande e de qualidade. Isso facilita a vida de quem usa o dispositivo como auxílio no trabalho e estudo, assim como é excelente nas horas de lazer, para ver filmes, vídeos e jogar games em HD. Exemplos de aparelhos atuais: Galaxy Note 5, Galaxy Note 7, Nexus 6P, Moto X Play, Xperia Z Ultra, LG G4 e G5, Moto X Style, Asus Zenfone 2 Laser 6.

 

 

  1. Preste atenção às especificações

Processador

De acordo com o ranking mais atualizado de desempenho de chips de smartphones, o processador Qualcomm Snapdragon 820 ganhou o primeiro lugar e obteve uma pontuação de 136.383, que é quase 4000 superior ao da Apple A9. Além disso, o Samsung Exynos 8890 também teve um bom desempenho, e seu desempenho já está próximo ao da Apple A9.

Os smartphones com Qualcomm Snapdragon 820 incluem: Samsung Galaxy S7, Letv MAX Pro, Mi5, LG G5 (importado, pois no Brasil veio o LG G5 SE), Sony Xperia X Performance, etc; Atualmente, apenas um smartphone é alimentado por Exynos 8890, o Samsung Galaxy S7.

O recém-lançado Qualcomm Snapdragon 652 e 650 também possuem um desempenho excepcional, e o Qualcomm Snapdragon 652 já está perto do Qualcomm Snapdragon 810 em desempenho. O Qualcomm Snapdragon 650 já ultrapassou o Qualcomm Snapdragon 808, que traz novíssimo poder ao mercado de smartphones de médio porte. Um exemplo de celular Qualcomm Snapdragon 652 é o Samsung Galaxy A9; e de um celular com Qualcomm Snapdragon 650 é o Red Mi Note3.

 

RAM

A quantidade de memória RAM do sistema desempenha um papel importante na forma como um smartphone executa as tarefas. Dispositivos top de linha atuais oferecem 3GB a 4GB de RAM, enquanto os telefones intermediários possuem cerca de 1,5 GB a 2 GB. A exceção é a Apple, que usa 2GB de RAM no iPhone 6s e no iPhone 6s Plus, embora a menor quantidade não parece ter impacto no desempenho. Se você quiser carregar aplicativos mais rapidamente e utilizar mais de um aplicativo ao mesmo tempo, opte por mais memória RAM. Tente evitar aparelhos com apenas 1GB de memória do sistema.

 

Qualidade da tela

O tamanho da tela é apenas um item a se considerar. Preste muita atenção à resolução do smartphone, brilho, qualidade de cor e ângulos de visão.

As telas mais nítidas têm resolução quad-HD, ou 2.560 x 1.440 pixels, incluindo o Galaxy S7 e o HTC 10. No entanto, um painel full-HD com 1.920 x 1.080 pixels (1080p) – como os do iPhone 6s Plus – mostram abundância de detalhes. As telas com 1.280 x 720 pixels (720p), normalmente encontradas em telefones de orçamento menor, podem resultar em detalhes perdidos em texto ou filmes.

Certifique-se de que o smartphone que você está comprando tem uma tela com brilho suficiente para você ser capaz de enxergar ao ar livre, na luz solar direta. Ter amplos ângulos de visão também é importante, porque você vai querer compartilhar o que está na tela com os outros e jogar sem a tela ficar apagada quando você inclinar o dispositivo.

lg_g5_v3

 

Armazenamento interno

Dado que alguns jogos podem facilmente ocupar mais de 1 GB – para não mencionar quantas fotos de alta resolução e vídeos os proprietários de smartphones estão captando – recomendamos altamente optar por tanto armazenamento interno quanto possível. O mínimo na maioria dos aparelhos, como o iPhone 6, é de 16GB, mas cada vez mais telefones (como o Galaxy S7) estão vindo com padrão de 32GB. Recomendamos 32GB ou mais.

Um cartão microSD pode ajudar a expandir o seu armazenamento. Ele está disponível em telefones como o Galaxy S7, o LG G5 eo HTC 10.

 

4. Câmera

Nós chegamos a um ponto na evolução dos smartphones onde a câmera importa mais do que o processador, especialmente porque a maioria das pessoas usa seu telefone como máquina fotográfica. Cada vez mais smartphones possuem câmeras com pelo menos 13 megapixels, mas esses números não funcionam sozinhos. Em vez disso, preste atenção à qualidade da imagem, abertura, tamanho do pixel, velocidade e recursos.

O Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge oferecem atualmente as melhores câmeras em qualquer telefone. Suas câmeras de pixels duplos oferecem autofoco rápido e tiram fotos fantásticas em condições de pouca luz, graças à ampla abertura f / 1,7 (os números mais baixos são melhores). Em contraste, as câmeras iSight de 12 megapixels no iPhone 6s e 6s Plus têm uma abertura de f / 2.2.

Uma tendência dos smartphones é câmera traseira dupla. O LG G5, por exemplo, usa uma lente para fotos em grande angular, o que a torna uma ótima opção para tirar fotos de paisagens. As câmeras Leica duplas da Huawei P9 executam um truque diferente, com uma captura de informações de imagem em monocromático e outra em cores, resultando em um único sensor com um tamanho de pixel equivalente a 1,76 microns. Isso é muito maior do que o Galaxy S7 de 1,4 mícrons.

 

5. Duração da Bateria

Muitos fatores – incluindo o tamanho da tela, processador e sistema operacional – determinam quanto tempo de carga dura um smartphone. Consideramos que qualquer telefone que dure mais de 8 horas de 4G LTE é aceitável, mas acima de 9 horas é melhor.

A capacidade da bateria é uma especificação que pode ajudar a determinar o potencial de carga de um telefone, mas não é tão confiável quanto os resultados dos testes. No entanto, procure um telefone com pelo menos uma bateria de 3.000 mAh se você quiser que dure pelo menos até o fim do dia. O Galaxy S7 tem uma bateria de 3.000 mAh, mas a de 3.600 mAh do Galaxy S7 Edge dura mais tempo. O LG G5 vem com uma bateria de 2.800 mAh, mas você pode aumentá-la no módulo opcional de aderência da câmera, que tem sua própria fonte de alimentação de 1.200 mAh.

 

Bateria Removível

Baterias removíveis têm caído em desuso com a maioria dos fabricantes de smartphones. Mas existem alguns benefícios para este tipo de design, encontrado no LG G5. Uma vez que sua bateria atual pare de segurar carga depois de um tempo de uso, você pode apenas trocar por uma nova sem ter que pagar por um serviço de substituição na autorizada ou comprar um novo telefone.

lg-g5-bateria

 

6. Design

Definir se um design de smartphone é bom ou ruim é altamente subjetivo, mas se você se preocupa com qualidade de construção e estética, procure um design único, que você encontrará no iPhone 6 e HTC 10. O Galaxy S7 possui design com vidro e metal. É particularmente atraente, especialmente o S7 Edge com sua tela dupla curvada.

As pessoas que preferem um smartphone com bateria removível devem optar por um dispositivo como o LG G5. Este design inovador também permite que você adicione outros módulos para aumentar a funcionalidade, como uma câmera com controles físicos e uma bateria estendida.

Se você está procurando um design mais pessoal, confira o Moto X Pure Edition, que você pode personalizar on-line com todos os tipos de cores e acabamentos, incluindo madeira.

 

7. Outras Características

Carregamento sem fio

O carregamento sem fio é mais uma característica agradável que pode ser levada em conta na hora de adquirir um novo aparelho, apesar de não ser obrigatório.

Segurança de impressão digital (biométrica)

Popularizado pelo sensor Touch ID do iPhone, a segurança de impressão digital nos smartphones facilita o desbloqueio do dispositivo. Você também pode usar o Touch ID para comprar itens na App Store e bens do mundo real via Apple Pay. O sensor no iPhone 6 é um pouco lento, mas o leitor de impressão digital do iPhone 6s é mais rápido.

O sensor do Galaxy S7 pode ser usado com o serviço Samsung Pay ou Android Pay. Tanto a HTC como a LG oferecem leitores de impressões digitais, também. Alguns telefones de nível intermediário carecem desta funcionalidade, mas não é realmente super necessário.

 

 

Um Comentário para: “Guia: como escolher seu smartphone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *